Abrandadores MW

A causa mais comum de superaquecimento e danos em caldeiras é quando incrustação é formada nas superfícies de seus tubos. Essa incrustação é formada a partir do cálcio e magnésio presentes na água de alimentação das caldeiras. Porém, superaquecimento e falha do equipamento não são os únicos efeitos causados pela incrustação. No curto prazo, a eficiência também diminui, porque a incrustação forma uma camada de isolamento na superfície do tubo, prejudicando a troca térmica entre a fonte de calor e a água.  Uma camada de 3mm de espessura reduz a eficiência na troca térmica na ordem de 20-25%, resultando em calor perdido pelos gases da chaminé.

O novo processo de regeneração do abrandador Série MW é projetado para fornecer água abrandada de forma constante e na qualidade exigida pelas caldeiras Miura, com a garantia de fornecimento 24h pela operação alternada de seus 02 tanques.

Esse sistema, integrado ao detector de dureza Colormetry e comunicação com o MOM e com o supervisório Miura, o Steam Link, ajuda a manter a caldeira operante e eficiente ao longo de toda a vida útil.

TABELA DE COMPARAÇÃO – SÉRIE MW

Notas:

*1 – Perda de pressão para operação padrão, com água fluindo por uma unidade e a outra em standby na vazão padrão.

*2 – Esse é a quantidade de sal por regeneração. Valor configurável.

*3 – Esse valor indica a capacidade de remoção por unidade, que varia em função do nível da regeneração.

*4 – Pressão mínima necessária para regeneração. Pressão máxima permitida por unidade.

*5 – Valor por unidade.